Compra e venda de empresa: Dicas essenciais para um processo bem-sucedido

As ações tanto de compra quanto de venda são intrínsecas ao universo empresarial e devem sempre ser bem avaliadas, para que ambas as partes da negociação obtenham ganhos durante tais processos.

Para as companhias adquirentes, a compra é uma oportunidade de expandir seu mercado ou mesmo de atuar em novos segmentos. Já para as empresas que estão sendo vendidas, o processo pode significar um bom ganho de capital ou a redução de prejuízos e dívidas – para o caso de empreendimentos que não enfrentam um momento favorável.

 

No artigo de hoje, separei algumas dicas a serem levadas em conta na hora de vender ou comprar um negócio. Acompanhem!

 
Aspectos importantes para quem está vendendo uma empresa

 

Primeiramente, é preciso avaliar o valor real de seu negócio, para que se possa mensurar o quanto uma determinada oferta é ou não vantajosa. Isso só é possível por meio de dados factíveis e métodos confiáveis de análise.

 

Há diversas formas de se calcular o valor de um empreendimento, como, por exemplo:

  • Fluxo de caixa descontado: considera-se neste cálculo os possíveis resultados futuros que a empresa pode apresentar, tomando-se por base investimentos realizados em ativos. Neste cálculo, é preciso descontar a taxa de risco do investimento;

  • Avaliação por múltiplos: na avaliação por múltiplos são realizados comparativos com empresas semelhantes ao negócio comercializado. Estas empresas tornam-se os fatores de referência do cálculo. Geralmente, o múltiplo é aplicado com base no Ebitda (“earning before interests, taxes, depreciation ou amortization”) ou Lajida (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) que é um indicador financeiro bastante importante que deve ser combinado com outros indicadores para prover uma visão mais adequada da performance de determinado ativo.

  • A análise por meio do fluxo de caixa descontado ou por meio de múltiplo de Ebitda pode dar indícios de um faixa de preço do valor do negócio. Obviamente que após a determinação do preço, outros fatores podem afetar o preço previamente estipulado (como é o caso de riscos contingenciais do ativo alvo, por exemplo).

É também importante considerar que a avaliação do valor do negócio não pode se basear simplesmente no “feeling” do empreendedor, mas sim, ser feita por meio de um estudo do mercado e de suas tendências, analisando o posicionamento da empresa diante do seu segmento, e sempre preparado por especialistas em finanças corporativas, embasada em números contábeis bastante sólidos.

 

Por fim, é justo considerar as motivações da venda. Se uma empresa se encontra em um momento pouco favorável, a solução pode ser encontrada por meio de parcerias ou da entrada de sócios investidores, por exemplo. Novamente, tudo irá depender de uma análise acurada dos cenários interno e externo e do posicionamento de mercado da companhia.

 
O que avaliar na hora de comprar um empreendimento?

 

Além dos aspectos comuns a quem está vendendo – compreensão do valor real do negócio, análise do mercado e das possibilidades de crescimento da empresa, etc. – os adquirentes precisam também considerar algumas questões específicas quando forem concluir a compra de um empreendimento.

 

Do ponto de vista interno, não deixe de investigar cuidadosamente pontos relativos a dívidas contábeis, questões fiscais, processos (de ordem trabalhista ou de outra natureza), obrigações contratuais de longo e curto prazo, como funciona a gestão dos recursos humanos da empresa, dentre outras questões organizações, pois certamente serão apresentadas por potenciais adquirentes.

 
Conclusão

 

A compra ou venda de uma empresa é um passo complexo na vida de uma organização. Por isso, nunca é demais reforçar a importância do suporte especializado para estes processos. Com tal apoio, é possível minimizar os riscos inerentes tanto a compra quanto a venda de uma empresa, aumentando assim, as chances de sucesso nestas transações.

 

*Artigo publicado originalmente no Linkedin em 01/08/2016.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • LinkedIn Social Icon
  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
Featured Posts

A reforma das normas de segurança do trabalho: risco ou alívio para as empresas?

September 27, 2019

1/10
Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive